Introdução Geral 2

.

Para (quem) serve seu conhecimento? Ele está estanque ou em fluxo(s)? Por que rede(s) seu conhecimento navega? Dentro de que modelo de mundo seu conhecimento é gerado e transborda? Dentro de que modelo de mundo você está? Onde seu conhecimento e a cultura regenerativa se encontram?

.

O que está abaixo, de A a E, pode ser recombinado a vontade – um de A + um de B + um de C + um de D + um de E = algo que faço.

.

A) O que EU SOU:

1) Uma catalizadora de fluxos.

2) Uma curadora que faz curadoria de fluxos de informação e conhecimentos.

3) Uma gestora de redes e conhecimentos.

4) Netweaver – catalizadora, curadora, harmonizadora, desveladora de redes de pessoas, de fluxos informações em rede, de comunidades, e cia.

.

B) O que EU SOU nos meios e nas interfaces de:

1) Negócios sociais em rede

2) Ciência e Tecnologia

3) Fluxos de informação e conhecimento

4) Áreas relacionadas à gestão da saúde

5) Arte e Cultura, suas sensibilizações e simbolizações – transversal as outras áreas

.

C) Minhas UNIDADES:

1) Pessoas

2) Informação

3) X

.

D) Onde EU SOU:

1) LECORE – eu e a experimentação “na veia” – minha interface de experimentação para minhas habilidades, paixões, e todas áreas de conhecimento que me interessam.
E que podem ir para a MTh Consultoria ou para a MTH Amaral. Ou não.

2) MTh Consultoria – minha interface de serviços institucionais

3) MTh Amaral – eu e minhas habilidades, valores, paixões – minha interface de possibilidades de serviços e projetos

.

E) Onde EU ESTOU:

1) No mundo

2) Em presença

3) Na WEB

4) No Universo

.
.

Share